domingo, 24 de março de 2013

Princípios de segurança da informação


É importante saber que não existem métodos absolutamente seguros na internet, todos os métodos foram criados para ser seguros, porém isso não significa que os princípios nãopossam ser quebrados.  Os principais princípios de segurança da informação são: Confiabilidade, Disponibilidade, Integridade, Autenticidade, Confidencialidade e o Não repúdio.
Confiabilidade - É o resultado do funcionamento de todos os outros princípios, ou seja, os outros são escudos para manter a confiabilidade.
Disponibilidade - É o que garante que o sistema esteja sempre disponível, que não fique fora do ar. Quando você chega a um banco e o atendente diz que o sistema está fora do ar, isso significa que falhou o princípio da disponibilidade.
Integridade - O principio garante contra a não alteração da informação, ou seja, garante que seu documento não seja interceptado e alterado por terceiros no meio do caminho.
Autenticidade – O princípio garante que a origem do documento é autentica, que ele não foi alterado nomeio do caminho.
Confidencialidade – O princípio garante que terceiros não tenham acesso a informação, ou seja, garante que ninguém conheça o conteúdo do documento.
Não repúdio – o princípio garante a comprovação de quem cometeu o ato, ou seja, são meios que comprovam o autor da ação. Isso significa irretratabilidade, a pessoa não pode negar um ato. 
Se um destes princípios falhar significa que a rede não é totalmente confiável.  

2 comentários:

Flavia disse...

Pessoal
Ajudem comprando qualquer item da promoção da lojinha para ajudar nas despesas dos animais resgatados que aguardam adoção em lar temporário
http://adoteumfocinhocarente.blogspot.com.br/2013/04/mais-coisinhas-novas-na-lojinha-itens.html


ou comprando qualquer numero da rifa
http://adoteumfocinhocarenterifas.blogspot.com.br/

Por favor, ajudem na divulgação. Quem sabe aquele amigo que vc nem sabia quer adotar um animalzinho??
WWW.adoteumfocinhocarente.blogspot.com

Anônimo disse...

Otimo post! Parabéns!